Nota de pesar pelo falecimento de Paul Singer

O Cebrap lamenta profundamente o falecimento de um de seus fundadores, o economista Paul Singer, na tarde desta segunda-feira, 16 de abril de 2018. ​Paul teve enorme relevância para o Cebrap e para o país, por suas pesquisas [caso de ‘São Paulo 1975: Crescimento e Pobreza’], por seus escritos e sua atuação pública. Economista inicialmente […]

Um imaginário de violência

ALONSO, Angela; ESPADA, Heloisa (orgs.). Conflitos: fotografia e violência política no Brasil 1889-1964. São Paulo: IMS, 2017. por Annateresa Fabris O advento da fotografia ajudou a forjar uma nova memória coletiva dos acontecimentos históricos. Enraizada anteriormente em relatos orais, em narrativas impressas e em modalidades de representação visual que não se caracterizavam pela exatidão associada […]

Uma arquitetura de comando e conflito: a intervenção no Rio como um laboratório das disputas de poder

“A intervenção é uma janela de oportunidades”, declarou em coletiva de imprensa o General do Exército Walter Souza Braga Netto, nomeado interventor federal na segurança pública do Estado do Rio de Janeiro. Durante a mesma entrevista, concedida no dia 27 de fevereiro, o general descreveu a “arquitetura de comando e controle e relações institucionais” e […]

Alfred Stepan e os problemas da democracia

Paulo Sérgio Pinheiro   Alfred Stepan nos deixou no último 27 de setembro, aos 81 anos, em seu apartamento em  Nova York, com vista para o Rio Hudson, que tanto o encantava. Era Wallace S. Sayre Professor de Governo na Universidade de Columbia e diretor do Centro de Estudos e também ali diretor do Centro de […]

O capitalismo de expulsões e seus descontentes

SASSEN, Saskia. Expulsões – brutalidade e complexidade na economia global Trad. Angélica Freitas, Rio de Janeiro, Editora Paz & Terra, 2016, 336 páginas. Jorgemar Soares Félix   Uma das principais particularidades do trabalho da socióloga holandesa Saskia Sassen é sua inconformidade com as “categorias familiares” ou, em outras palavras, com a perenidade das definições oferecidas […]

A espoliação urbana e o campo dos estudos urbanos no Brasil¹

Eduardo Marques   É preciso iniciar dizendo que, na minha opinião, A espoliação urbana (Paz e Terra, 1979) marca a origem da sociologia urbana brasileira propriamente dita. Evidentemente, houve vários estudos anteriores sobre processos e fenômenos sociais no urbano, inclusive os antecedentes diretos do livro – São Paulo: crescimento e pobreza (Ed. Loyola, 1975) e […]

A atualidade de A espoliação urbana¹

Gabriel de Santis Feltran Destacarei três dimensões de A espoliação urbana (Paz e Terra, 1979) que, desdobradas nas últimas décadas nos estudos urbanos, estão no alicerce das interpretações que sociólogos, antropólogos e urbanistas contemporâneos têm feito sobre as dinâmicas recentes da cidade de São Paulo, bem como de outras cidades brasileiras. Meus pontos são básicos […]

Antonio Candido, grandeza humana

José Arthur Giannotti   Muito moço conheci Antonio Candido. Morávamos na Aclimação e às vezes fazia uma visita a ele e à Gilda. Só assisti a um curso do Florestan sobre a indução sociológica em que o funcionalista convicto admitia Weber e Marx como caminhos complementares. Formado em filosofia e a Faculdade não pagando salário, […]

Antonio Candido: Heranças, herdeiros¹

Leopoldo Waizbort   Situações de consagração, como homenagens por ocasião da morte, necrólogios, boletins especiais etc., servem também, ao sociólogo, para evidenciar as dinâmicas do consagrado e seus consagradores, e gostaria de destacar um aspecto dessa dinâmica, que envolve a herança e os herdeiros. Poderia ser uma tentativa de objetivação, para falar na linguagem do […]

Modernidade em cores regionais

Resenha de Weinstein, Barbara. The color of modernity: São Paulo and the making of race and nation in Brazil. Durham and London: Duke University Press, 2015. 458 p.   O livro mais recente de Barbara Weinstein, The color of modernity: São Paulo and the making of race and nation in Brazil, lançado no início de […]

As esquerdas e a conjuntura do tempo presente

Resenha por Fernando Perlatto Domingues, José Maurício. Esquerda: Crise e futuro (Ed. Mauad X, 2017).   Pelo menos desde as manifestações que tomaram as ruas do país em junho de 2013, o Brasil parece ter entrado em um fluxo contínuo e ininterrupto de mudanças, cuja compreensão se torna uma tarefa de enorme magnitude e atravessada […]